Arias
Duos...
Óperas
Cantatas
Compositoras
Switch to English

Ária: Ombre di mia prosapia

Compositor: Ponchielli Amilcare

Ópera: La Gioconda

Papel: (Baixo)

Descarga música impresa gratis: "Ombre di mia prosapia" PDF
Song of the Golden Calf ("Le veau d'or est toujours debout!"). Mèphistophélès. Faust. GounodO Isis und Osiris. Sarastro. A Flauta Mágica. MozartCredi che dorma, o incanto. Mocenigo. Caterina Cornaro. DonizettiA un dottor dell mia sorte. Doctor Bartolo. Il barbiere di Siviglia. RossiniJ'ai des yeux. Coppèlies. Les contes d'Hoffmann. OffenbachMadamina, il catalogo è questo. Leporello. Don Giovanni. MozartLa mia sorte fortunata. Pallante. Agrippina. HändelNon più andrai farfallone amoroso. Figaro. Le nozze di Figaro. MozartO ruddier than the cherry. Aci, Galatea e Polifemo. HändelC'est envain. Hercule. Alceste. Gluck
Wikipedia
La Gioconda, baseado em Angelo, tyran de Padoue, de Victor Hugo, é uma ópera de Amilcare Ponchielli e libreto de Arrigo Boïto, ambientada na Veneza do século XVII. Foi um grande sucesso, especialmente em sua terceira e última versão (Teatro alla Scala, Milão, 28 de março de 1880), assim como o maior sucesso na história da ópera italiana entre a Aida (1871) e Otello (1887) de Verdi. É também o exemplo mais famoso do gênero italiano de Grande opera, o equivalente do francês Grand-Ópera.
Ponchielli fez várias revisões desta obra.
Existem muitas gravações desta ópera e ela é frequentemente executada. Esta é uma das poucas óperas que apresentam um papel principal para cada um dos seis tipos de voz principais.
Cada ato de "La Gioconda" tem um título separado:
O título da ópera pode ser traduzido como "A mulher sorridente", mas o título italiano parece ser usado invariavelmente.