Arias
Duos...
Óperas
Cantatas
Compositoras
Switch to English

Ária: Nel di della vittoria...Ambizioso spirito

Compositor: Verdi Giuseppe

Ópera: Macbeth

Papel: Lady Macbeth (Meio/Soprano)

Descarga música impresa gratis: "Nel di della vittoria...Ambizioso spirito" PDF
O dischius'è il firmamento. Fenema. Nabucco. VerdiAl suon del tamburo. Preziosilla. La forza del destino. VerdiNon san quant'io nel petto… Non vo' quel vecchio. Giulietta di Kelbar. Un giorno di regno. VerdiLa luce langue. Lady Macbeth. Macbeth. VerdiAu palais des fées. Princess Eboli. Don Carlos. VerdiRe dell'abisso, affrettati. Ulrica. Un ballo in maschera. VerdiGia i sacerdoti adunansi. Amneris. Aida. VerdiVieni t'affretta. Lady Macbeth. Macbeth. VerdiL'abborrita rivale...Già i sacerdoti adunansi. Amneris. Aida. VerdiUna macchia è qui tuttora!. Lady Macbeth. Macbeth. Verdi
Wikipedia
Macbeth é uma ópera em quatro atos do compositor italiano Giuseppe Verdi, com libreto de Francesco Maria Piave. Estreou em Florença em março de 1847. Baseada na peça homônima de William Shakespeare.
Oberto, Conte di San Bonifacio (1839) Un giorno di regno (1840) Nabucco (1842) I Lombardi alla prima crociata (1843) Ernani (1844) I due Foscari (1844) Giovanna d'Arco (1845) Alzira (1845) Attila (1846) Macbeth (1847) I masnadieri (1847) Jérusalem (1847) Il corsaro (1848) La battaglia di Legnano (1849) Luisa Miller (1849) Stiffelio (1850) Rigoletto (1851) Il trovatore (1853) La traviata (1853) Les vêpres siciliennes (1855) Simon Boccanegra (1857) Aroldo (1857) Un ballo in maschera (1859) La forza del destino (1862) Don Carlos (1867) Aïda (1871) Otello (1887) Falstaff (1893)
Composta na juventude de Verdi, Macbeth só estreou em 1847, em Florença. Dividida em quatro atos, a obra baseada na história homônima de William Shakespeare se passa na Escócia e Inglaterra do século XI. A composição foi revista pelo próprio Verdi quando de sua estreia em Paris, 17 anos depois.
Em Macbeth, Shakespeare discorreu sobre o poder - não se trata de uma história de amor - e os crimes que o homem pode cometer para obtê-lo. Na ópera de Verdi, a história começa quando Macbeth e Banquo, ambos generais de Duncan, o rei da Escócia, encontram um grupo de feiticeiras. Macbeth é saudado profeticamente como Guerreiro de Cawdor e Rei da Escócia, e Banquo, como o pai de um futuro rei. Um servo traz a mensagem de que "Sir de Cawdor" fora enforcado e que todas as terras e o título, por determinação do rei, foram transferidos para Macbeth. Cumpria-se, assim, a primeira profecia das bruxas.
No castelo, a ambiciosa Lady Macbeth lê com satisfação a carta que o marido lhe enviara, relatando o ocorrido. O Rei Duncan passará a noite no castelo, e essa é a oportunidade que Lady Macbeth queria. Ela convence o marido a matar o soberano e a assumir o poder. Macbeth mata Duncan, toma-lhe a coroa, mas passa a viver atormentado com sua consciência, e também com a profecia das feiticeiras, de que um filho de Banquo - e não dele - o sucederá. Ele e a mulher decidem matar Banquo e o filho, para que a profecia não se concretize. Banquo é morto, mas o filho escapa.
O casal Macbeth está dando um banquete no castelo, quando chega o notícia da morte de Banquo e da fuga de seu filho. Macbeth começa a ver o fantasma de Banquo. Lady Macbeth, tentando esconder a situação dos convidados, age como se nada estivesse acontecendo - canta, brindando a todos. Mas Macbeth tem outra crise e se dirige cada vez mais agressivamente aos convidados. O ato acaba com um grande conjunto: os convidados ficam confusos, Lady Macbeth repete que os mortos não voltam, e Macbeth decide consultar as feiticeiras novamente.
O terceiro ato começa em uma caverna escura. Feiticeiras invocam espíritos malignos, quando Macbeth chega ansioso por saber de seu futuro. As feiticeiras invocam aparições para atender o novo rei. A primeira é a cabeça de um guerreiro, que previne Macbeth contra Macduff. A segunda - uma criança ensanguentada -, diz-lhe que não deve temer a ninguém que tenha nascido de uma mulher. A terceira - uma criança coroada -, afirma que Macbeth jamais será vencido até que o bosque de Birmane caminhe e se volte contra ele. Há, depois, um desfile de oito reis, o último dos quais é Banquo, que traz à mão um espelho. O terceiro ato termina com a chegada de Lady Macbeth, que ouve o relato do marido sobre as aparições. Ambos decidem agir com violência para eliminar qualquer opositor.
O quarto ato começa no campo, perto da fronteira entre a Escócia e a Inglaterra. Um grupo de refugiados comenta a opressão que sofre a Escócia sob o reinado de Macbeth. Macduff, que teve a mulher e os filhos assassinados pelo tirano, expressa sua dor em uma bela ária.
Malcom, líder da força inglesa, ordena que cada soldado corte um galho de árvore e o carregue consigo, investindo contra Macbeth. Nessa noite, Lady Macbeth agita-se sonâmbula, blasfemando contra o próprio remorso, que a leva à loucura e à morte. Macbeth, informado sobre a morte de sua mulher, prepara-se para combater os inimigos, acreditando na invencibilidade. Soldados o informam que o bosque de Birmane está se movendo.
Na batalha, Macduff encontra Macbeth e investe contra ele. Macbeth brama que ninguém nascido de mulher poderia matá-lo. Macduff conta que foi "arrancado do ventre de sua mãe" - e o fere mortalmente. A ópera acaba com um coro vitorioso dos escoceses liberados.