Arias
Duos...
Óperas
Cantatas
Compositoras
Switch to English

Attilio Ariosti

Óperas:

Aquilio consoloCaio Marzio CoriolanoDarioIl VespasianoLa madre dei MaccabeiLa Passione

Cantatas:

6 Cantatas and 6 Viola d'Amore LessonsA te bella cagionAl tribunal d'AmoreAl voler del bene amatoAmarissime peneBelle stille che grondateChe mi giova esser ReginaChe sento Irene amataChe si puo farChe ti fece mai quest'almaCieco Nume alato ArcieroCon troppo rigoreCosì tosto o mio bel soleDi valle in monteE in sen mi restaÈ pur dolce a un cor legatoEcco che già ritornaGenio, che amar voleaIl più fiero dolorIncolte piante erbe odoroseInsoffribile tormentoLisetta mi tradistiLontananza crudelLuci voi siete quelleLungi son io dal caro mioLungo un placido rioMentre dormi à NiceMorto è Amor Ninfe piangeteNice quella severaNon v'è pena maggior del mio tormentoO quam suavis estOh miseria d'amante corePastori o voi ch'in pianto stillate gl'occhi nostriPur al fin gentil ViolaQual cara fiamma io sentaQuando Nice era fideQuanti sospiri quanti crudel martiriQuel Angel che scioltoSe lontan stà l'Idol mioSe t’offesi o bella IreneSento dirmi con placideSento il cor che dice speraSenza te dolce tirannoTante e tante del cielUn barbaro rigor
Wikipedia
Attilio Malachia Ariosti (Bolonha, 5 de novembro de 1666 – Londres, 1729) foi um compositor, cantor e instrumentista da Itália.
Foi ordenado monge em 1688 mas logo pediu para deixar o hábito, tornando-se compositor da corte do Duque de Mântua e Monferrato. Em 1692 tornou-se diácono e organista da Igreja de Santa Maria dos Servos em Bolonha. Em 1697 foi para Berlim a pedido da Eleitora Sofia Carlota de Hanôver, uma ativa patrona da música, passando a trabalhar em sua corte e escrevendo numerosas óperas de sucesso. Exerceu funções para o governo austríaco e em 1716 suas óperas receberam grande consagração em Paris e Londres. Em 1724 publicou uma coleção de cantatas e outra de Lições para Viola d'Amore, cujas vendas foram o maior sucesso editorial de música do século XVIII. Cantava, escrevia libretos, e tocava violoncelo, cravo e em especial a viola d'amore.