Arias
Duos...
Óperas
Cantatas
Compositoras
Switch to English

Macbeth

Compositor: Verdi Giuseppe

Arias (partituras para voz e piano):

Banco (Baixo)

Come dal ciel precipita

Lady Macbeth (Meio/Soprano)

La luce langueOr tutti, sorgeteUna macchia è qui tuttora!Vieni t'affrettaNel di della vittoria...Ambizioso spirito

Macbeth (Barítono)

Fuggi regal fantasimaO lieto augurioPietà, rispetto, amoreMi si affaccia un pugnal?Perfidi all anglo contro me...Pieta rispetto amore

Macduff (Tenor)

Ah, la paterna mano

Conjuntos (partituras para voz e piano):

Due vaticini compiuti or sono. Banco (Baixo) Lady Macbeth (Meio/Soprano)Ora di morte e di vendetta. Macbeth (Barítono) Lady Macbeth (Meio/Soprano)Regna il sonno su tutti...Fatal mia donna. Lady Macbeth (Meio/Soprano) Macbeth (Barítono)

Partituras

"Macbeth" PDF 5Mb "Macbeth" PDF 7Mb "Macbeth" PDF 18Mb "Macbeth" PDF 30Mb "Macbeth" PDF 49Mb
1865 version. Scena e Cavatina: Vieni! t'affretta PDF 5Mb

Partituras para orquestra

"Macbeth" PDF 9Mb "Macbeth" PDF 10Mb "Macbeth" PDF 14Mb "Macbeth" PDF 15Mb "Macbeth" PDF 49Mb
OvertureChe faceste dite suGiorno non vidi mai si fiero (Banco, Macbeth)Due vaticini compiuti or sono. Banco (Baixo) Lady Macbeth (Meio/Soprano)S'allontanarono! (Banco, Macbeth)Nel di della vittoria...Ambizioso spirito. Lady MacbethAmbizioso spiritoVieni t'affretta. Lady MacbethOr tutti, sorgete. Lady MacbethOh! donna mia (Macbeth)Sappia la sposa mia (Macbeth)Mi si affaccia un pugnal?. MacbethRegna il sonno su tutti...Fatal mia donna. Lady Macbeth (Meio/Soprano) Macbeth (Barítono)Fatal mia donna (Macbeth)Di destarlo per tempo il Re (Banco, Macduff)Schiudi inferno inghiotti (Macduff, Banco, Macbeth)Perche mi sfuggi (Macbeth)La luce langue. Lady MacbethO volutta del soglioChi imposo mandarvi a noiStudia il passo (Banco)Come dal ciel precipita. BancoSalve o ReSi colmi il caliceChe ti scosta o Re mio (Macbeth)Voi siete demente (Macbeth)Va spirto d'abisso (Macbeth)Sangue a me quell ombra (Macbeth, Macduff, Banco)Sua via sollecite giriamTre volta miagola la gattaChe fate voi misteriose donne (Macbeth)O lieto augurio. MacbethFuggi regal fantasima. MacbethOve son io (Macbeth)Ora di morte e di vendetta. Macbeth (Barítono) Lady Macbeth (Meio/Soprano)Patria oppressaO figli o figli miei (Macduff)Ah, la paterna mano. MacduffDove siam? (Malcolm)Che bosco e quelloVegliammo invan due notti (Doctor, Lady-in-waiting)Una macchia è qui tuttora!. Lady MacbethPerfidi all anglo contro me...Pieta rispetto amore. MacbethPietà, rispetto, amore. MacbethElla e morta (Macbeth, Lady-in-waiting)Via le fronde e mano (Macduff, Macbeth, Malcolm)Mal per me che m'affidai (Macduff, Macbeth, Malcolm)Vittoria Vittoria! (Macduff, Macbeth, Malcolm)Balletmuziek
Wikipedia
Macbeth é uma ópera em quatro atos do compositor italiano Giuseppe Verdi, com libreto de Francesco Maria Piave. Estreou em Florença em março de 1847. Baseada na peça homônima de William Shakespeare.
Oberto, Conte di San Bonifacio (1839) Un giorno di regno (1840) Nabucco (1842) I Lombardi alla prima crociata (1843) Ernani (1844) I due Foscari (1844) Giovanna d'Arco (1845) Alzira (1845) Attila (1846) Macbeth (1847) I masnadieri (1847) Jérusalem (1847) Il corsaro (1848) La battaglia di Legnano (1849) Luisa Miller (1849) Stiffelio (1850) Rigoletto (1851) Il trovatore (1853) La traviata (1853) Les vêpres siciliennes (1855) Simon Boccanegra (1857) Aroldo (1857) Un ballo in maschera (1859) La forza del destino (1862) Don Carlos (1867) Aïda (1871) Otello (1887) Falstaff (1893)
Composta na juventude de Verdi, Macbeth só estreou em 1847, em Florença. Dividida em quatro atos, a obra baseada na história homônima de William Shakespeare se passa na Escócia e Inglaterra do século XI. A composição foi revista pelo próprio Verdi quando de sua estreia em Paris, 17 anos depois.
Em Macbeth, Shakespeare discorreu sobre o poder - não se trata de uma história de amor - e os crimes que o homem pode cometer para obtê-lo. Na ópera de Verdi, a história começa quando Macbeth e Banquo, ambos generais de Duncan, o rei da Escócia, encontram um grupo de feiticeiras. Macbeth é saudado profeticamente como Guerreiro de Cawdor e Rei da Escócia, e Banquo, como o pai de um futuro rei. Um servo traz a mensagem de que "Sir de Cawdor" fora enforcado e que todas as terras e o título, por determinação do rei, foram transferidos para Macbeth. Cumpria-se, assim, a primeira profecia das bruxas.
No castelo, a ambiciosa Lady Macbeth lê com satisfação a carta que o marido lhe enviara, relatando o ocorrido. O Rei Duncan passará a noite no castelo, e essa é a oportunidade que Lady Macbeth queria. Ela convence o marido a matar o soberano e a assumir o poder. Macbeth mata Duncan, toma-lhe a coroa, mas passa a viver atormentado com sua consciência, e também com a profecia das feiticeiras, de que um filho de Banquo - e não dele - o sucederá. Ele e a mulher decidem matar Banquo e o filho, para que a profecia não se concretize. Banquo é morto, mas o filho escapa.
O casal Macbeth está dando um banquete no castelo, quando chega o notícia da morte de Banquo e da fuga de seu filho. Macbeth começa a ver o fantasma de Banquo. Lady Macbeth, tentando esconder a situação dos convidados, age como se nada estivesse acontecendo - canta, brindando a todos. Mas Macbeth tem outra crise e se dirige cada vez mais agressivamente aos convidados. O ato acaba com um grande conjunto: os convidados ficam confusos, Lady Macbeth repete que os mortos não voltam, e Macbeth decide consultar as feiticeiras novamente.
O terceiro ato começa em uma caverna escura. Feiticeiras invocam espíritos malignos, quando Macbeth chega ansioso por saber de seu futuro. As feiticeiras invocam aparições para atender o novo rei. A primeira é a cabeça de um guerreiro, que previne Macbeth contra Macduff. A segunda - uma criança ensanguentada -, diz-lhe que não deve temer a ninguém que tenha nascido de uma mulher. A terceira - uma criança coroada -, afirma que Macbeth jamais será vencido até que o bosque de Birmane caminhe e se volte contra ele. Há, depois, um desfile de oito reis, o último dos quais é Banquo, que traz à mão um espelho. O terceiro ato termina com a chegada de Lady Macbeth, que ouve o relato do marido sobre as aparições. Ambos decidem agir com violência para eliminar qualquer opositor.
O quarto ato começa no campo, perto da fronteira entre a Escócia e a Inglaterra. Um grupo de refugiados comenta a opressão que sofre a Escócia sob o reinado de Macbeth. Macduff, que teve a mulher e os filhos assassinados pelo tirano, expressa sua dor em uma bela ária.
Malcom, líder da força inglesa, ordena que cada soldado corte um galho de árvore e o carregue consigo, investindo contra Macbeth. Nessa noite, Lady Macbeth agita-se sonâmbula, blasfemando contra o próprio remorso, que a leva à loucura e à morte. Macbeth, informado sobre a morte de sua mulher, prepara-se para combater os inimigos, acreditando na invencibilidade. Soldados o informam que o bosque de Birmane está se movendo.
Na batalha, Macduff encontra Macbeth e investe contra ele. Macbeth brama que ninguém nascido de mulher poderia matá-lo. Macduff conta que foi "arrancado do ventre de sua mãe" - e o fere mortalmente. A ópera acaba com um coro vitorioso dos escoceses liberados.